Luisa Mell faz resgate em canil clandestino: ‘Parem de comprar’

Cães estavam confinados em caixas, gaiolas e até armários.

resgate canil luisa mell março 18
Matriz explorada em canil clandestino (Imagem: Reprodução/Instagram/@luisamell)

Hoje (quarta-feira) a ativista Luisa Mell realizou mais um resgate em uma fábrica de filhotes, no bairro Vila Jacuí em São Paulo (SP). O local abrigava mais de 100 animais, incluindo cães da raça pug, yorkshire e maltês, além de aves provindas do tráfico.

Na residência, cadelas usadas a vida inteira como matrizes de reprodução foram encontradas em condição insalubre. Os cães ficavam confinados em caixas, gaiolas, embaixo da cama e até no armário. A cozinha também estava imunda e medicamentos vencidos foram encontrados no canil clandestino.

Em uma tentativa de impedir o resgate, a proprietária foi flagrada com dois filhotes dentro do sutiã. Uma cadela prenha foi escondida embaixo de um travesseiro.

resgate canil luisa mell março 18 - 02
Dois filhotes foram encontrados no sutiã da proprietária (Imagem: Reprodução/Instagram)

“Estou fazendo um resgate em outro canil dos infernos… nunca vi nada igual”, alegou Luisa Mell. “Parem de comprar”, suplicou no Instagram.

Fotos

Vídeo

Assista ao vídeo completo do resgate clicando aqui.

Ajuda

Nas redes sociais, Luisa Mell pediu ajuda aos internautas. Estes são os dados para doações:

Bradesco AG 1974-7 CC 288-7

Itau AG 0772 CC 09021-3

Banco do Brasil AG 1817-1 CC 120.000-3

Instituto Luisa Mell de Assistência aos Animais CNPJ: 21.877.796/0001-35

Anúncios

5 respostas para “Luisa Mell faz resgate em canil clandestino: ‘Parem de comprar’”

  1. Parem de comprar, parem de vender, parem de transformar em dinheiro tudo o que é sagrado, intocável e puro, parem de ser maus.

  2. Pessoas vadias, sem respeito e amor nem por si próprio… vagabundos vampiros q se tornam cafetões e cafetinas de seres tão inocentes, sem maldade alguma, e ganham 💰 em cima de dor, maus tratos redes serzinhos, e vc q compra, está compactuando e incentivando essas crueldades. NÃO COMPREM, ADOTEM…

  3. Enquanto os animais forem propriedade humana, mesmo alegando-se boas intenções e aprovando-se “leis de bem-estar animal”, esses horrores continuarão acontecendo, simplesmente porque animais foram colocados nas mãos de exploradores, e não há como fiscalizar todos e cada um para impedir que nenhum deles “passe dos limites”.

    É preciso divulgar na sociedade a ideia de que devemos tirar os animais da condição de propriedade humana. (O único poder que devemos ter sobre os animais, então, é o poder de ajudá-los quando precisarem, que é a mesma responsabilidade dos adultos perante as crianças.) Devemos esclarecer que os animais só são mantidos como propriedade porque isso é requisito para viabilizar sua exploração econômica. Então, deve-se lembrar que a exploração só existe porque há uma demanda por produtos como carne etc.. De modo que a única solução é adotar o veganismo, para cessar a demanda, tornar a indústria de exploração animal obsoleta, tornar a condição de propriedade obsoleta, e abrir o caminho para os animais serem libertados, e virem a ter direitos fundamentais previstos na lei.

    (Essas são ideias trabalhadas pelo Gary Francione no livro “Introdução aos direitos animais”, já lançado por aqui.)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s