O que há por trás dos vídeos “fofos” do primata lóris

Primata lóris lento sofre com tráfico e tortura.

loris video

Vídeo de lóris lento comendo bolinho de arroz viralizou em  2012 nas redes sociais. Imagem: Reprodução

Pode parecer “fofo”, mas o que esses animais passam para serem domesticados e filmados é aterrorizante. O lóris lento, nativo do continente africano e asiático, é capturado em seu habitat por caçadores cruéis, que os vendem para pessoas que desejam ter a “fofura” em casa.

“É tão terrível que não podemos imaginar”, descreve Anna Nekaris, antropóloga e especialista em conservação de primatas da Universidade Oxford Brookes, em seu site.

VIETNAM-ENVIRONMENT-ANIMALS

Lóris lento à venda no Vietnã, em novembro de 2014. Imagem: Hoang Dinh Nam/AFP/Getty Images

Nekaris alerta que os lóris são caçados na floresta e jogados em caixas ou sacos plásticos. Além disso, seus dentes são cortados a sangue frio, no intuito de evitar sua mordida venenosa. O processo pode matá-los de infecção ou perda de sangue, e também impede que eles sejam devolvidos à natureza.

loris lento dente arrancado

Lóris tendo o dente cortado sem anestesia. Imagem: Reprodução

Um vídeo produzido pela ONG International Animal Rescue (IAR) revela em detalhes a tortura pela qual os lóris lentos são submetidos. O ator Peter Egan conta que a aparente “cócegas” demonstrada nas filmagens, trata-se de tortura. Em uma gravação de um lóris domesticado, por exemplo, o animal levanta os braços enquanto recebe “carinho” – mas, explica Egan, isso ocorre “porque o animal está aterrorizado”.

loris lento cocegas tortura

Lóris levanta os braços por estar com medo. Imagem: Reprodução

Anna Nekaris suplica que os internautas não curtam ou compartilhem vídeos “fofos” de lóris, pois isso incentiva o comércio e a domesticação desses animais.

Via: The Huffington Post / IAR

Anúncios

2 ideias sobre “O que há por trás dos vídeos “fofos” do primata lóris

  1. paulosisinno

    Republicou isso em Paulosisinno's Bloge comentado:
    Pode parecer “fofo”, mas o que esses animais passam para serem domesticados e filmados é aterrorizante. O lóris lento, nativo do continente africano e asiático, é capturado em seu habitat por caçadores cruéis, que os vendem para pessoas que desejam ter a “fofura” em casa.

    “É tão terrível que não podemos imaginar”, descreve Anna Nekaris, antropóloga e especialista em conservação de primatas da Universidade Oxford Brookes, em seu site.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s