Cientistas induzem abortos em ratas grávidas

Vivissectores têm induzido aborto tardio em fêmeas grávidas.

Imagem: embryology.med.unsw.edu.au

Imagem: embryology.med.unsw.edu.au

As experiências, geralmente, consistem em administrar substâncias com potencial abortivo em diversos animais, como macacas, porcas, cadelas e, especialmente, ratas.

As ratas são escolhidas em sua maioria porque, além de serem dóceis e facilmente manipuláveis, têm um período muito curto de gestação, de até 21 dias. Já no décimo dia de gestação, se inicia a formação das células nervosas. Porém, o final da neurogênese só ocorre por volta do 18º dia¹.

Nesse tipo de estudo, o aborto pode ser induzido no início ou no final da gestação.

Em um estudo chinês, 40 ratas grávidas foram selecionadas para aborto tardio, no 18º e 19º dia de gestação. O objetivo era avaliar o impacto e o mecanismo de uma droga no útero e na placenta das ratas².

Em um estudo feito no CEDEME – Centro de Desenvolvimento de Modelos Experimentais da Universidade de São Paulo (USP), ratas grávidas foram sacrificadas entre o 12º e 14º dia de gestação, para que as células mesangiais de seus rins fossem analisadas³.

Por estarem em fase de desenvolvimento, ainda há discussão se os fetos das ratas sentem dor ou não durante o procedimento, uma vez que a percepção da dor envolve o processamento cerebral. No entanto, é razoável considerar que, pelo menos nos abortos tardios, os fetos sofrem em tais experiências, porque já possuem nervos capazes de possibilitar sensações.

As mães, além de sofrerem com o confinamento e gestação forçada, perdem suas vidas para supostos benefícios de terceiros. O que já é inerentemente imoral e antiético.

Infelizmente, tais pesquisas de aborto nos animais são só uma das inúmeras formas de abuso cometido por aqueles que dizem lutar pelo progresso da medicina e da ciência.

Referências

¹ Hill, M.A. (2016) Embryology Mouse Timeline Detailed. Retrieved December 3, 2016, from https://embryology.med.unsw.edu.au/embryology/index.php/Mouse_Timeline_Detailed

² CHEN, Q., ZHANG, B., XU, H. J., SUN, Y. S., & JIANG, G. H. (2009). Experimental Research of Foshousan of the Impact on Tumor Necrosis Factor-α in Threatened Abortion Model Rats [J]. World Journal of Integrated Traditional and Western Medicine, 9, 008.

³ Ferreira, V. M., Gomes, T. S., Reis, L. A., Ferreira, A. T., Razvickas, C. V., Schor, N., & Boim, M. A. (2009). Receptor-induced dilatation in the systemic and intrarenal adaptation to pregnancy in rats. PLoS One, 4(3), e4845.

Anúncios

Uma ideia sobre “Cientistas induzem abortos em ratas grávidas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s