Castração de porcos machos é medida obrigatória no Brasil

Prática cruel é feita sem anestesia.

WestCoastFarmsCastration06
Porquinho sendo castrado em fazenda localizada em Henryetta, EUA (Imagem: Reprodução/Mercy For Animals)

O procedimento cirúrgico consiste em fazer uma incisão entre os testículos do porquinho e arrancá-los para fora, sem nenhum tipo de anestesia ou alívio para dor.

A Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS), no livro Produção de Suínos: Teoria e Prática (2014, p. 582), afirma que “a castração de suínos machos inteiros (cachaços) é necessária para que a carne desses animais não apresente sabor e odor desagradáveis”, alertando que a medida é um “procedimento traumático” capaz de provocar hemorragia no animal.

No Brasil, a obrigatoriedade da castração vem da regulamentação feita pelo Decreto nº 9.013, de 29 de março de 2017, artigo 104.

O regulamento, apesar de proibir abate em castração recente, não determina qual idade a castração deve ser feita, porém ela ocorre já nos primeiros dias de vida do animalpor exigir “pouca mão de obra”.

No entanto, há alternativa para a castração cirúrgica. A castração sem cirurgia é feita através de uma vacina, chamada Vivax. Seu efeito é temporário, durando oito semanas, tendo que ser reaplicada até o abate. Apesar da alternativa, a castração sem cirurgia não é obrigatória, assim, o produtor costuma optar pelo método cirúrgico, por conta de seu custo inferior.

Outros procedimentos rotineiros adotados na suinocultura são o desgaste de dentes de leitões e também o corte de cauda, sem nenhum tipo de alívio para dor. Ao contrário da castração, tais medidas não são obrigatórias, mas são feitas pelos produtores para evitar canibalismo entre os porcos, que enlouquecem sob o estresse do confinamento intensivo.


*Artigo atualizado em 28 de dezembro de 2018, indicando o novo decreto que regulamenta a inspeção de produtos de origem animal

6 respostas para “Castração de porcos machos é medida obrigatória no Brasil”

  1. só gostaria de entender, o seguinte. existem leis de que maus-tratos aos animais são crime. e porque ñ se aplica a esses covardes.porque, será, c certeza é por traz muito $$$$$$$$.

  2. Gostei do trabalho do castrador, serviço bem feito, e assim como a castração de porcos é obrigatória no Brasil, também deveria ser para homens, eu gostaria muito de estar no lugar do porco.

  3. aos jumentos de plantão que não entendem do assiunto,ou que nao comem carne,isso e uma medida sanitária para que os animais não exalem cheiro de urina forte ao ser cozinhados e sobre as vacinas isso custa muito caro e ainda assim e pouco eficiênte.
    por favor,vão cuidar da vida de vocês e comer seus legumes,e não matem os pés de alfaces para comer comam eles sem matar ta. se não e crime também abraço.

  4. Gente sei que vcs sentem pena. Eu também. Mas não dá pra comer carne de porco sem castrar. É impossível!! Ela é horrível o cheiro de urina não é como de urina de bebê não. Pra saber só chegando perto de um “barrão”, pra quem não sabe é um porco macho adulto em plenas condições de reprodução. O cheiro é insuportável.

  5. Queria muito cursar agronomia,mas quando vi um vídeo castrando um porquinho desisti rsrs. Pra começo nem sabia que no curso ixigia essa aula prática! Fiquei com muita dó, era pra ser obrigatório usar anestesia geral !!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s