Cientistas russos usam macacos em testes espaciais

A Rússia tem feito experimentos em animais como parte de seu programa de viagens espaciais. Nesses testes, macacos têm eletrodos implantados no cérebro, são privados de água ou comida, e ficam restritos em cadeiras de contenção. O objetivo, principalmente, é verificar os efeitos da viagem espacial na saúde dos animais.

(Photo by Dmitry Korotayev/Epsilon/Getty Images)

(Photo by Dmitry Korotayev/Epsilon/Getty Images)

Em 2017, a Rússia pretende enviar quatro macacos para Marte. Porém, não há data para o fim dos testes espaciais russos em macacos. Enquanto os testes ocorrem, macacos continuam vivendo este filme de terror – imagine como seria ser confinado contra a sua vontade, e depois enviado para o espaço.

A Rússia vai na contra-mão do desenvolvimento tecnológico mundial. A NASA, a Agência Espacial Europeia – ESA e a Administração Espacial Nacional da China não usam mais primatas em seus programas espaciais.

A PETA está com uma campanha para que a Rússia acabe com os testes. Clique aqui para enviar uma mensagem automática à Embaixada Russa.

Abaixo, você confere os registros fotográficos do programa espacial russo, feitos em 15 de abril de 2003, no Medical and Biological Problems Laboratory, em Moscou, Rússia.

Clique na imagem desejada para abrir a galeria de fotos.

Anúncios

Uma ideia sobre “Cientistas russos usam macacos em testes espaciais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s